• poesias

    Querer é poder

    Não podeis da Pátria filhos,Ver contente a mãe Brasil;Nos roubaram a liberdadeNosso norte, nossa sorteNosso povo, sempre servil. Já raiou a atrocidade,No império da maldade,Prosperou a mediocridadeRetrato do triste Brasil. Brava gente brasileira!Tenha amor a sua bandeira!Ou ficar a Pátria livre,Ou morrer pelo Brasil;Ou ficar a Pátria livre,Ou morrer pelo Brasil. Os vendilhões de nossa PátriaNos forjavam com bravatasDa perfídia astuto ardil…Não há mão mais poderosaQue insurja contra a mordaçaQue do povo do Brasil! Brava gente brasileira!Tenha amor a sua bandeira!Ou ficar a Pátria livre,Ou morrer pelo Brasil;Ou ficar a Pátria livre,Ou morrer pelo Brasil.