humor

O Popular

Freddie Mercury

Notícia Popular no diHITT

Hoje eu acordei com um firme propósito: me tornar popular!

Talvez se eu criasse uma alcunha e adotasse uma cor, tal como Marcelo “Dourado” ou Fred Mercury “Prateado“…Sei não, ainda não me convenci. É mesmo complicado esse negócio. E se der errado??? Daí é um pulo para eu ficar verde de raiva igual ao Luciano Hulk! Aliás, parece que o Hulk dele se escreve Huck e nem vai dar para eu ficar verde. Que droga!

Acho que muitos vão me condenar por eu querer o que “todos” querem: ser um alguém na multidão. Há muito tempo atrás, tomei conhecimento da existência de uma tal pirâmide de Maslow. Segundo ele, o homem é motivado por necessidades organizadas numa hierarquia de relativa prepotência.  Isto significa que uma necessidade de ordem superior surge somente quando a de ordem inferior foi relativamente satisfeita. Pela organização dessa hierarquia, as necessidades fisiológicas vêm em primeiro lugar, claro! São as necessidade básicas, tais como a fome, a sede, o sono, o sexo, a excreção, o abrigo. Como um candidato a Popular, eu tenho necessidade de ser aceito, de ser reconhecido, enfim, de ser tudo aquilo que julgo ser capaz pelo desenvolvimento pleno de todo o meu potencial! (eu achei lindo esse final). Acho que esbarrei num pequeno problema que pretendo contornar: convencer aos outros que sou tudo isso que eu acho que sou.

Mas, peraí…..e o tal do Marcelo “Prateado”, aliás, “Dourado” (desculpem, não conhecia o cara antes dos BBBs e troquei as cores)…será que ele é isso tudo que eu acho que sou e por isso ele se tornou um cara popular? Sinceramente, eu não sei a resposta. Alguém saberia me dizer? será que o poder midiático, alguma dose de manipulação e a combinação disso com um público carente de “heróis” faz renascer das cinzas, como uma fênix, assim como fez com o “Prateado“, digo (putz, de novo errei!) “Dourado“?

Bem, acho que não serei popular escrevendo blogs. Não nessa linha que eu sigo falando do cotidiano, de fatos presentes e passados, emitindo minha humilde opinião, questionando, refletindo e provocando meus atuais 13 seguidores (que devem ter clicado essas 350 vezes no meu espaço – obrigado, gente!).

Ao final desse artigo ou post, tenho a revelar que para o bem de todos e o meu próprio, eu desisti de ser popular. Na verdade, nunca foi minha meta ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar – deve ser porque eu sofro de moderada claustrofobia e nunca passei de 50 amigos. Isso antes de conhecer o diHITT,  aonde já estou chegando a 200 (viva!!!).

Agora, estou me sentindo bem melhor!

10 Comentários

  • Herval Candido

    Sérgio :

    Escrevendo bem assim, está no caminho certo. rs*
    Gostei muito.

    Um forte abraço!

    Poxa, Sérgio, sinceramente, receber um elogio seu é o meu presente de Páscoa. Leio seus posts (quando tenho tempo, é óbvio) e suas opiniões sempre possuem massa encefálica (verdade).
    Forte abraço, também.

  • Cris

    Dourado não é nome de peixe? Os grupos estão divididos entre os que querem ser populares e os que querem ser felizes. Não significa que seja uma regra, mas a popularidade vai te impedir de escrever o que quer (terá um consultor), de andar, de viajar, de ir ao supermercado, de paquerar, enfim, adeus liberdade.

    Beijocas

  • Denize

    Oi Herval! Adiei o início das minhas férias para olhar esta sua postagem e ainda bem que fiz isso. Excelente! Também gostei muito da leveza que você deu ao texto. E concordo com o Sérgio. Quando voltar vou ficar atenta às suas postagens, não tenha dúvida! Abs

  • Luísa

    Olá Cândido!

    Eu acho que Dourado é um nome que fica bem a qualquer um! Para além de brilhar é sonante! Mas será que a popularidade é assim tão tão significativa? Quer-me parecer, que nem sempre quantidade não é sinónimo de qualidade… Mas penso que as tuas hipóteses são inquestionáveis!

    Adorei a tua crónica.

    Abraços
    Luísa

  • edvalter

    BOM HERVAL, VOCÊ ESCREVE MUITO BEM, COLOCOU UMA FOTO QUE REPRESENTA A FAMÍLIA, DOSE DE HUMOR NA MEDIDA CERTA, COM CERTEZA EM BREVE SERÁ POPULAR, MUITO BREVE. AINDA DENTRO DO SEU TEXTO, DESTE ÚLTIMO BBB NÃO VI NEM UM CAPÍTULO SEQUER, AO VER AS FOTOS DO CAMPEÃO POR ESSES DIAS, O QUE É QUASE INEVITÁVEL, NÃO TIVE BOA IMPRESSÃO DO CARA, MAS EU NÃO SOU INDICADO PARA DIZER PORQUE DETESTO O PROGRAMA, ACHO MALÉFICO PARA AS FAMÍLIAS DE BEM. CONTE COMIGO PARA SEUS PROJETOS. FORTE ABRAÇO MEU AMIGO!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.