pessoal

Jackie Freitas, mas pode chamá-la de Fênix (crônica)

fênix ou fénix (em grego ϕοῖνιξ) é um pássaro da mitologia grega que,  quando morria, entrava em autocombustão e, passado algum tempo, renascia das próprias cinzas. Outra característica da fénix é sua força que a faz transportar em vôo cargas muito pesadas, havendo lendas nas quais chega a carregar elefantes. Podendo se transformar em uma ave de fogo.

Teria penas brilhantes, douradas, e vermelho-arroxeadas, e seria do mesmo tamanho ou maior do que uma águia. Segundo alguns escritores gregos, a fénix vivia exatamente quinhentos anos. Outros acreditavam que seu ciclo de vida era de 97.200 anos. No final de cada ciclo de vida, a fénix queimava-se numa pira funerária. A vida longa da fénix e o seu dramático renascimento das próprias cinzas transformaram-na em símbolo da imortalidade e do renascimento espiritual.

Essa é uma introdução para um texto que pretende falar de uma grande mulher. Ela não é grande em altura, mas em estatura moral e em gestos grandiosos. Alguém que dedica os seus atribulados dias postando mensagens de auto-ajuda, cuidando da casa, dos filhos e marido e porque não dizer, cuidando também dos amigos. Não é fácil para muitos viver essa rotina, mas para ela parece que é apenas mais um dia em que renasce como mãe, mulher, amiga e confidente de um imenso universo de anônimos da rede cibernética, através do seu blog Fênix – Mulheres que Renascem. Só uma verdadeira fênix poderia escrever com a propriedade da autora, Jackie Freitas, uma paulistana de recém completados 41 anos de vida, quatro filhos, dois casamentos e muita superação para se tornar uma mulher admirável.

Jackie Freitas não sabe desse meu texto e se soubesse imagino que me diria: “Ah, meu querido, muito obrigado. Você um homem de grandes valores e é muito bom poder chamar uma pessoa assim de amiga, não é?”

Eu não tenho como definir a minha amiga Jackie Freitas. Uma vez, quando nós conversávamos pelo MSN, eu disse que precisava de uma nova palavra, um neologismo, para defini-la. Talvez não precise mesmo de uma palavra. Seria injusto deixar alguma boa palavra de fora da minha definição. Peço agora licença a minha amiga para reproduzir um trecho de um comentário dela num dos meus posts:

Meu amigo querido!

Olha, lendo isso fiquei aqui pensando na graça da vida…até ontem nos comunicávamos por aqui: duas pessoas, recém conhecidas, mas com muita ideologia e conduta de vida em comum, uma afinidade que logo nos aproximou, uma comunicação franca e sentimental que nos fez criar uma rápida identificação…e assim foi crescendo a nossa amizade virtual…Porém, ontem , após termos nos falado por telefone, o amigo começou a ganhar formas, ondulações…rs…sua voz já foi processada em meu cérebro, sua risada até me mostrou a forma sincera do seu sorriso. Assim é a chegada de um novo amigo…ansiosa, aguardada e com a sensação de que será amizade eterna. Muito boa essa sensação! Sensação de que reencontrei um irmão de longa viagem…

Grande beijo…

Jackie
(nem preciso comentar sobre o seu post)

Então, não preciso definir mais a minha amiga Jackie. Quero apenas poder ser, um dia, tão generoso com meus amigos, tão útil para muitos desconhecidos e tão verdadeiro com a vida para poder ter a capacidade de renascer das cinzas e me tornar um ser humano melhor, assim a vejo sem nunca ter-lhe visto. Quero renascer Jackie Freitas.

Meu carinho de amigo e irmão,

14 Comentários

  • Jackie Freitas

    Herval, meu amigo querido!
    Estou ainda sem palavras…Mas, vou tentar escrever aqui um pouco da grande emoção que tenho em ler o seu post!
    Estávamos conversando pelo MSN e você disse que o temos uma grande prova de que pode SIM existir uma linda amizade entre pessoas do sexo oposto. E é verdade! Homem ou mulher, somos todos irmãos, convivendo num mesmo planeta, cujo objetivo maior deveria ser a união, o amor, a solidariedade…tudo isso representado no significado mais amplo da palavra amizade! Só que amizade, infelizmente, ainda é uma palavra e não atitude. Para algumas pessoas, amizade é apenas a embalagem que envolve sentimentos mesquinhos e egoístas. Para outras pessoas, como nós, é o início de um caminho que leva e eleva a alma para uma evolução. A evolução pela qual fomos todos destinados. Eu, graças a Deus, nesse caminho à evolução, pude encontrar pessoas nobres como você. Um homem que não se envergonha dos sentimentos que carrega. Quando falávamos hoje, você disse algo que me fez refletir bastante: “por que tem tanta gente que se envergonha em externar a gratidão ou até mesmo a felicidade, mas não vacila em incutir a discórdia e o veneno das palavras destruidoras?”. Eu te respondo, meu amigo: porque essas pessoas ainda não descobriram pessoas como você! Você não transita nesse caminho (graças a Deus), então será difícil elas terem a chance de conhecerem e aprenderem um pouco de generosidade humana.
    Eu não sei realmente, se sou merecedora de tanto carinho assim, meu querido; mas uma coisa fica clara: estou no caminho certo! Caminho em direção de algo maior, que me levará a evolução que procuro e tenho o grande prazer de te fazer companhia nesse caminho!
    Amigo, muito obrigada pela “homenagem”, a qual prefiro apenas denominar como um suave carinho vindo de um grande amigo, de uma grande pessoa! Que felicidade a minha!

    Grande beijo, com o mesmo respeito que vem de você! Espero estar à altura de sua grandiosidade,
    Jackie

  • Beth Muniz

    Oi Herval,
    Depois de ler tudo o que escreveu, o que dizer?
    Tá bom, ela é uma verdadeira FENIX.
    Que horror, nada original…
    Mas, pensando bem, ninguém pode ser original se renasce a cada dia.
    Jackie, grande beijo.
    Herval, grande abraço e parabéns pelo texto.

  • Sissym

    Eu nunca imaginei que ser blogueira pudesse melhorar e acrescentar conteudo e sensibilidade à minha vida.
    Eu nunca considerei seguro participar de chats, falar com desconhecidos, contudo,
    através do dihitt, eu mudei de opinião.
    Do mundo virtual ao real eu conheci de fato alguns amigos e me surpreendi.
    Quanto a Jackie, ela é muito amável e atenciosa, a inteligência dela parece um ímã que atrai e depois disso captura pela grande simpatia.
    Claro, alguns conhecidos deste site são volúveis, uns até demais, eu que não sou assim, precisei aprender a conviver com este tipo de amizade inconstante.
    A Jackie escolheu bem o nome do blog, pela vida dela, por representar outras pessoas tambem, a renascer a cada dia.

    Beijos

  • Juci Diass

    mas bahhhhhhhhhhhhhhh!!!!
    ta vendo guriii
    por estas e por outras
    q ela é uma coisinha mais coisada
    tem pessoas q tem este dom
    o dom de encanta de transmiti energias boas
    de dar um UP em nos
    esta é nossa grandiossa Jackie
    como ela so ela mesmo !

    Guri homenagem mais q merecida
    a nossa coisinha mais coisada q adoro porrrrrr demais
    parabens guri
    bjão pros doissssssss!!!!

  • B.B.

    Querido Herval, a Jackie é muito mais que amiga, é muito mais que um anjo, é muito mais que uma rosa, é uma fênix. Parece renascer a cada dia e nos conduz pelo seu renovo a caminho que ainda não conhecemos. Coração e generosidade sem par. Disposta a ser a amiga próxima, o braço forte, o carinho desejado por todos. Parabéns por homenageá-la, pois feita por ti, tornou-se um prêmio. Dear friend, you’re gentleman. Beijos, B.B.

  • Fábio Siebra

    Herval,aos poucos eu vou conhecendo o quão maravilhosos são os Dihittianos,a Jackie (a fênix – mulher) por exemplo é uma dessas pessoas que me contagia com os seus escritos e a admiro mesmo que nunca a tenha visto, (mais isso é o de menos) entretanto o que importa é que a Jackie é minha amiga, mesmo que virtual, e conheço os seus escritos que são de alguém que têm a acrescentar algo, acredito que isso vêm com o tempo é a tal maturidade que todos um dia atingiremos uns mais rápido outros lentamente,mais sempre vamos em busca dela.

    Queridos Amigos (Jackie e Herval ) Um Abraço.

    • Herval

      Amigo Fábio,

      Estou deixando que a Jackie responda aos comentários dirigidos a ela no diHITT. Aqui no meu blog, quero registrar a minha alegria em compartilhar esse carinho demonstrado por todos à figura humana dessa grande amiga.

      Receba o meu agradecimento e abraço fraterno.

      Herval

  • Geraldo

    Olá Herval,

    Lembrei-me que na cena do Harry Potter e a Camara Secreta, a fenix do Diretor de Hogwarts, Fawkes, derrama lágrimas que curam a ferida mortal em Harry Potter dada pela serpente Basilisco. Creio que este papel acaba servindo muito bem pela Jackie, não pelas lágrimas, mas pelo apoio, palavras, textos e atitudes desta nossa nobre Fênix..

    Abraço

  • Mamae Recomenda

    Herval, eu não poderia deixar de comentar esse texto! Sou fã da Jackie e acho que suas carinhosas palavras são mais que verdadeiras. A internet é uma dádiva, quando promove essa ligação entre pessoas sensiveis e especiais. Sinto-me honrada e feliz em ter tido o privilégio de cruzar com vcs nesse mundo tão vasto e ilimitado.
    Um grande abraço, meu querido! Parabéns mais uma vez!
    Márcia

    • Herval

      Márcia,

      Agradeço-lhe por tão gentis palavras. Acredito mesmo que existe uma energia que atrai coisas boas e juntamente com ela as pessoas. A identificação entre nós ocorre por similaridade de valores e comportamentos. Nada mais natural, não é mesmo?

      Abraços,

      Herval

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.